CAMPANHA DE FINANCIAMENTO COLABORATIVO

Os desafios do III Fórum Nacional de Museus Indígenas do Brasil

Através da realização de encontros em diversos estados brasileiros, a aproximação entre indígenas que desenvolvem processos museológicos em seus territórios gerou o conhecimento mútuo entre as diferentes iniciativas de museus indígenas, casas e espaços de memória nas cinco regiões do país. Isso suscitou o surgimento de novas demandas, que serão discutidas neste Fórum: como avançar de ações isoladas para a realização de uma agenda comum de trabalhos que incluam atividades colaborativas em memória, patrimônio e museologia comunitária? Qual a posição da Rede perante a crise de representatividade em voga na política partidária brasileira e à perda de direitos sociais duramente conquistados pela população, especialmente os direitos indígenas? Como potencializar cada vez mais a memória como instrumento de resistência dos povos indígenas frente ao contexto atual, em suas comunidades e no país? Como contribuir no fortalecimento de um movimento latino-americano de museus e espaços de memória comprometidos com as lutas dos povos indígenas? Um dos principais objetivos deste encontro é avançar na consolidação de núcleos locais autônomos atuantes nos estados, concomitantemente à manutenção de uma ampla agenda de atividades nacionais e de participação efetiva de nossas experiências nas redes de museus indígenas da América Latina, que tornam atualmente a Rede Indígena de Memória e Museologia Social como a mais atuante no cenário da museologia comunitária no Brasil.

A campanha para financiamento colaborativo para o III Fórum Nacional de Museus Indígenas do Brasil

A Rede Indígena de Memória e Museologia Social do Brasil é formada por organizações de povos indígenas que desenvolvem processos museológicos em seus territórios. Não possui financiamento de qualquer espécie e nem vinculação partidária, com órgãos de estado e-ou com instâncias governamentais. Seus povos e organizações estão articulados com instâncias do movimento indígena brasileiro, desde suas bases locais e comunitárias. Por conta disso, e diante da grave crise política e econômica que afeta o Brasil atualmente – o que aumenta a necessidade de fortalecimento deste espaço de discussão política sobre a realidade dos povos e a importância da memória indígena para o fortalecimento da resistência – estamos organizando uma campanha de financiamento colaborativo para arcar com custos financeiros de realização do III Fórum Nacional de Museus Indígenas do Brasil, através da contribuição voluntária de parceiros, ativistas, organizações indígenas e indigenistas e simpatizantes de nossa causa em todo o mundo.

Os doadores terão direito a escolher brindes, que foram reunidos dentre os participantes da Rede Indígena de Memória e Museologia Social. Constam de livros, artes, fotografias, roupas, DVD´s, vídeos, documentários, catálogos, revistas e objetos, que poderão ser escolhidos de acordo com o valor de suas doações. O valor de envio por correios, quando for o caso, está previsto na doação. Os brindes e seus valores podem ser conhecidos aqui.

Os recursos apurados serão apresentados publicamente e sua utilização, assim como os nomes dos doadores (pessoas físicas e jurídicas), serão publicizados através de nossa página na internet. Os recursos serão revertidos para o deslocamento de indígenas para o Piauí, para a elaboração e impressão de peças promocionais e materiais gráficos do Fórum e para a manutenção do site da Rede Indígena de Memória e Museologia Social.

Como participar da campanha de financiamento colaborativo?

Podemos contribuir na campanha de duas formas: ajudando em sua ampla divulgação, através de redes sociais, listas de e-mails, distribuindo panfletos, conversando com amigos e parentes, angariando doadores etc.; ou efetuando doações financeiras.

Solicitamos aos interessados em contribuir financeiramente para a realização do III Fórum Nacional de Museus Indígenas, a realizar os seguintes procedimentos:

  1. Efetuar o depósito do valor desejado na conta da ASSOCIAÇÃO DOS POVOS INDÍGENAS TABAJARA E TAPUIO ITAMARATY DA COMUNIDADE NAZARÉ, que possui os seguintes dados bancários:
  • Banco: Banco do Brasil
  • Agência: 2428-7
  • Conta-corrente: 27.699-5
  • CNPJ: 27.346.622/0001-22
  1. Enviar um e-mail para redememoriaindigena@gmail.com, com o comprovante de depósito digitalizado, discriminando o doador (pessoa física ou jurídica);
  2. Aguardar confirmação do recebimento do depósito por parte da comissão de organização do III Fórum Nacional de Museus Indígenas do Brasil.

Período da campanha: 12 de agosto a 15 de outubro de 2017.

Link para a campanha: http://redememoriaindigena.net.br/financiamento-iii-forum/

Colaborar: http://redememoriaindigena.net.br/colaborar/

Andamento da campanha: http://redememoriaindigena.net.br/andamento-da-campanha/

Contatos, informações e dúvidas: redememoriaindigena@gmail.com ;

Facebook: https://www.facebook.com/redeindigenamemoria/

____________________________________________________________________

Rede Indígena de Memória e Museologia Social do Brasil

Comissão Organizadora – III  Fórum Nacional de Museus Indígenas

19 a 21 de outubro, Lagoa de São Francisco, Piauí – Brasil